Se esta é a sua primeira vez neste blog leia na coluna da direita as instruções!

30 de nov de 2008

Bela Letra

Não me lembro de onde conheço essa música:

Letra (traduzida para Português)

Sonhar o sonho impossível...
Lutar contra o inimigo invencível...
Suportar a tristeza insuportável...
E avançar para onde os bravos não ousam ir...

Consertar o erro incorrigível...
E amar a pureza e castidade distante...
Tentar mesmo quando seus braços estão muito cansados...
Alcançar a estrela inalcançável...

Este é o meu destino...
Seguir a estrela...
Não importa a desesperança,
Não importa a distância...

Lutar pelo correto
Sem dúvidas ou descanso...
Estar pronto para marchar, marchar até o inferno
Por uma causa sagrada...

E eu sei.que apenas se eu for fiel
À esta busca gloriosa,
Meu coração estará em paz e calmo,
Quando eu deitar para o meu descanso...

E que o mundo será melhor por causa disto;
Porque um homem, desprezado e cheio de cicatrizes...
Ainda luta até a sua última gota de coragem...
Alcançar o inalcançável, inalcançável,.a inalcançável estrela...

Sim, e eu sempre sonho o Sonho Impossível...
Sim, e eu alcançarei a estrela inalcançável...


Fonte

Lembrei!

29 de nov de 2008

Manhã de Emoções

Essa semana passei por uma maratona de trabalho que culminou em um evento lindo essa manhã.

Realizamos um prova de ingresso para todos os alunos que pretendem estudar no colégio no ano que vem. Enquanto eles respondiam os pais participaram de um encontro especial com palestras, apresentação da orquestra, etc.

Foi muito gratificante constatar os olhos marejados da platéia.

Quando finalizamos recebi muitos abraços de pessoas emocionadas com o que viram (e ouviram).

Preciso agradecer a Deus, a manhã de hoje me comoveu!

28 de nov de 2008

Segunda chance

Eu adoro chegar no blog e encontrar comentários. Eles me motivam!

Ontem enviei meu texto infantil, o primeiro que escrevi para ser editado em livro. Isto é, enviei pela segunda vez com algumas modificações sugeridas pelo editor. Espero que dê certo, mesmo qu eeu tenha que modificar outras vezes.

Precisava dividir isso com você!

Beijos de luz,

Aline***

26 de nov de 2008

Falta assunto

Eu penso muitas coisas mas as idéias não me permitem concluir um pensamento que eu possa transformar em um texto "decente" para postar aqui.

24 de nov de 2008

Provável Prova de Educação para a Cidadania

1) O que você faria se encontrasse um objeto que não é seu na escola?

2) Qual você considera a atitude correta se encontrar um objeto que não é seu na escola?

3) Se estivesse brincando na Brinquedoteca e quebrasse um brinquedo o que você faria?

4) Você mudou alguma atitude sua depois das aulas de Educação para a Cidadania? Explique.

5) Você consegue se colocar no lugar do outro e sentir o que o outro sente?

6) Responda sinceramente. Se perceber que algum colega está triste o que você faz?
a) vai conversar com ele ( )
b) dá risada ( )
c) avisa a professora ( )
d) não faz nada ( )

7) Se pudesse mudar alguma coisa na aula de Educação para a Cidadania que fizesse de você um ser humano ainda melhor o que seria?

8) Se souber um segredo de algum colega o que você faz?
a) conta para todo mundo ( )
b) pensa o que é melhor para a pessoa e pede ajuda para a professora ( )
c) ouve e não se importa ( )
d) dá risada e volta a brincar ou falar de outra coisa ( )

9) De tudo que aprendeu na aula de Educação para a Cidadania o que você mais se lembra?

10) De tudo que aprendeu na aula de Educação para a Cidadania o que você considera mais importante para a sua vida?

11) Saiba que você é muito importante para mim. Espero que tenha ido bem na prova, mas mais que isso espero que tenha crescido como ser humano durante nossas aulas! Eu cresci.

Beijos de luz,

Prof. Aline***

23 de nov de 2008

Fazenda (Passeio Bom e Inesperado)

Esse feriado foi inesperado...
Na quinta, achamos que tudo estava perdido, não dava mais tempo de ir para a praia, não dava tempo de planejar um passeio diferente e milaborante, desses que não dá para fazer todo dia. Meus pais tinham ido a fazenda e foi esse o rumo que tomamos. Reunimos a família com respectivos e alguns amigos, almoçamos e nos minutos finais do segundo tempo, depois que meus pais já tinham voltado para a casa, começamos a tratar a possibilidade de fazer um churrasco e dormir lá mesmo. Voltamos para comprar as coisas, a Re decidiu ficar, (o Fred decidiu se unir ao grupo) e o churrasco começou a ser feito além da meia-noite. No dia seguinte passamos a manhã dormindo e a tarde na piscina agradecendo o sossego...

22 de nov de 2008

Perfume de Poder

A vida deve ser uma rosa de pétalas brancas...
Mas a vida não deve, a vida só pode.
Poder é uma palavra cujo o significado está intrínseco em nós.
Uns carregam, outros negam.
Uns usam, outros impõem.
Todos podem,
Na medida que desejam.
O poder para os que sonham
É mais acessível.
Inevitavelmente um dia chega
Para os que lutam.
O poder, como a rosa clara tem o perfume
E a responsabilidade de como a vida "deve" ser
Para os que tem o poder.
Todos temos.

20 de nov de 2008

Ser feliz

Acabei de voltar de uma corrida leve com minha irmã (Andreza Ahmad) e minha amiga (Renata da Rocha). Tá bom, vai. Leve só para mim. Elas pegaram mais pesado.
Depois tomando uma água de coco, nesse dia lindo. A Rê me contou um comentário que uma amiga sempre fazia:

"Felicidade é isso, conversar com os amigos, viver esse instante, nada além disso. Isso qu eé ser feliz. As pessoas ficam idealizando a felicidade, mas felicidade é isso".

E eu concordo plenamente.
A felicidade é um detalhe perceptível aos olhos atentos.
Aline Ahmad***

19 de nov de 2008

Refletir

Recebi a reflexão por e-mail:

Julgamos a nós mesmos pelo que nós somos capazes de fazer, enquanto os outros nos julgam pelo que já fizemos...

1ª História

Certa vez um garoto entrou na sala de emergência de um hospital depois de ter sido atropelado. O motorista que o socorreu, ao ser interpelado para efetuar o depósito necessário ao atendimento, informou que não possuía, naquele momento, dinheiro ou cheque que pudesse oferecer em garantia, mas certamente, se o hospital aceitasse, poderia efetuar o depósito na primeira oportunidade.

O atendente, na impossibilidade de liberar o atendimento, mas, com a vantagem de ter um dos diretores do hospital, que também era médico, de plantão naquele momento, resolveu consultá-lo.

Todavia, por não ter dinheiro nem garantias para o tratamento, não liberou o atendimento, fato que levou a criança atropelada a falecer.

O diretor, novamente chamado para assinar o atestado de óbito do garoto, ao chegar para o exame cadavérico, descobre que o garoto atropelado era seu filho, que poderia ter sido salvo, se tivesse recebido atendimento.

2ª História

Antônio, um pai de família, um certo dia, quando voltava do trabalho, dirigindo num trânsito bastante pesado, deparou-se com um senhor que dirigia apressadamente.

Vinha cortando todo o mundo e, quando se aproximou do carro de Antônio, deu-lhe uma tremenda fechada, já que precisava atravessar para a outra pista.

Naquela hora, a vontade de Antônio foi de xingá-lo e impedir sua passagem, mas logo pensou:

- Coitado! Se ele está tão nervoso e apressado assim... Vai ver que está com um problema sério e precisando chegar logo ao seu destino, pensando assim, foi diminuindo a marcha e deixou-o passar.

Chegando em casa, Antônio recebeu a notícia de que seu filho de três anos havia sofrido um grave acidente e fora levado ao hospital pela sua esposa.
Imediatamente seguiu para lá e, quando chegou, sua esposa veio ao seu encontro e o tranqüilizou dizendo:

- Graças a Deus está tudo bem, pois o médico chegou a tempo para socorrer nosso filho.

Ele já está fora de perigo. Antônio, aliviado, pediu que sua esposa o levasse até o médico para agradecer-lhe.

Qual não foi sua surpresa quando percebeu que o médico era aquele Senhor apressado para o qual ele havia dado passagem!

DUAS HISTÓRIAS, DOIS DESTINOS...

- Esteja sempre alerta para ajudar o próximo, independentemente de sua aparência ou condição financeira;

- Procure ver as pessoas além das aparências;

- Imagine que por trás de uma atitude, existe uma história, um motivo que leva a pessoa a agir de determinada forma.

FAZER O BEM, SEM OLHAR A QUEM...

18 de nov de 2008

Turma do Turismo - Colégio Progresso Centro

Hoje dei uma volta no colégio e visitei o terceiro turismo. É a única turma do colégio em que divulguei meu blog. Quero deixar um beijo especial a todos que me acompanham por aqui.

17 de nov de 2008

Acash - Arrecadação de fundos para crianças com câncer

Entrevista mais recente

Vovó Idalina

Ela esteve aqui.
Foi uma passagem longa, de anos nada curtos, mas acho que queria ficar.
O tempo foi remoendo seus ossos, estancando os movimentos e mesmo a alma tão dançarina, tão risonha, sentiu-se em um prisão. A prisão de um corpo esguio, de uma pele macia e flácida. Ela já tinha sido muito flexível, adorava exibir a posição dos braços alongados nas costas. Agora sentia dor.
Ela amava a natureza. Flores com perfume que se espalhava pela casa. Mas o seu perfume tinha cheiro de café. Gostava de regar as plantinhas até vê-las florescer. Gostava de vasos com terra fértil para enfeitar o quintal da casa.
Lembro-me do quanto gostava de animais, gatos, chegou a criar bicho-preguiça. Mas eu não tinha nascido ainda. Só participei da fase dos gatos. Combinavam com ela. Manhosa, doce...
As suas histórias contavam sobre o sofrimento. Resmungava bastante. A velhice também lhe trouxera a leveza de sorrir, a sensibilidade de tocar e fazer carinho na face de quem a visitasse. Os olhos já estavam traiçoeiros, não enxergavam mais as mesmas imagens. Os ouvidos também estavam se poupando do barulho. Somente os gritos ela podia escutar. Em uma madrugada minha vozinha despediu-se da Terra. Fazia dias, semanas, que ela estava distante em seu olhar recluso da vida...
Idalina, uma rosa cristalina, uma mulher menina, "um coração de ouro, de esmeralda, de diamante"* a minha avó.
*Ela me chamava assim quando falava comigo ao telefone, eu retribuía da mesma forma, assim juntas criávamos jóias, das mais valiosas, para ilustrar o coração que batia em nosso peito.

Imprevisível

A minha vida está mudando, tomando rumos mais altos, creio eu.
O final do ano se aproxima. Um reinício se anuncia. Será isso?
Vou fazer 30 anos no ano que vem.
Não esperava chegar aos 30 solteira (ainda que namorando).
Não esperava chegar aos 30 sem um livro editado (ainda que em vias de).
Embora alguns de meus projetos de vida não terem [ainda] se concretizado a vida tem até um certo perfume especial por ser assim tão imprevisível.
Dizem que a felicidade é o caminho. Estou nele.

15 de nov de 2008

Gandhi

"Um homem não pode fazer as coisas certas em um departamento de sua vida enquanto erra em qualquer outro. A vida é um todo indivisível."
Mahatma Gandhi

14 de nov de 2008

Aniversário é recomeço

Acabei de escrever para o aniversário de um amigo:

Mais um recomeço, a vida tem esse poder, nos dá sempre novas chances, dias novos, anos novos, oportunidades novas. Espero que aproveite da melhor forma os instantes tão efêmeros e construa através desses passos pequeninos o destino que sonha. Começa hoje uma ótima ocasião para isso!
Beijos de luz,
Aline***

Não tenho segredos com você

Sim, muitos textos curtos, poucas palavras, falta de assunto.
Não tenho lido, as idéias paradas, o mundo raso.
Acho que a vida real chegou.
Quando a vida é real os conflitos são outros.
Menos filosofia, mais verdade, mais realidade.
Cabeça nas nuvens e pés fincados no chão.
Aliás, os pés tem pesado mais que a cabeça...
Portanto há poucas nuvens.

13 de nov de 2008

Só 23% dos alunos se formam

Estou assistindo "Opinião Nacional" na TV Cultura.
Um dos debatedores passou esta informação:

"Somente 23% dos alunos que entram na escola pública no Brasil se formam".

Mais Obama!

Logo mais, hoje ainda assista!

Água

Ele se foi como um rio que flui com a água da chuva.
Ele se foi mas volta, como a água que cai das nuvens e volta para o mar.

12 de nov de 2008

Ele fez para mim!

Uma vez ele estava passando o tempo, descobrindo os recursos do computador, pensando em pessoas admiráveis, em líderes que marcaram a história... Estava sem sono, poderia usar o vídeo em alguma palestra. O vídeo se tornou uma declaração, de amor.

Hoje é aniversário dele, não fiz nenhuma homenagem à altura mas meu coração faz sempre... Eduardo Vela, também te amo!
video

BBC

Assisti um documentário da BBC no domingo, sobre os sentidos humanos. Peguei no final e fiquei encantada com a qualidade do programa.

Pesquisando na internet encontrei o site com esta matéria.

Generosidade

Admiro a inteligência de Marcelo Tas, agora admiro também a generosidade. Leia esse post do blog dele em que comenta o assassinato que aconteceu na Casas Bahia.

10 de nov de 2008

Farm

Apesar de não ser motivo de orgulho tenho um lado consumista. Sou fissurada em moda.
Há algum tempo uma marca carioca chamada Farm entrou no meu coração. É isso que as "marcas" fazem, deixam "marcas" na gente.
Quando vi já estava tomada pelo encanto. Mesmo sendo uma espécie de "alucinógeno" tenho consciência da minha irracionalidade, inclusive característica da paixão.
A responsabilidade por escolhermos um restaurante e não outro, um tênis e não outro, uma escola e não outra, um produto e não outro, na maior parte das vezes está ligada a sensações, memórias e motivos tão intrínsecos que somos incapazes de revelar.
Já estudei Marketing e sei que criamos um laço de afinidade com as marcas que gostamos parecido com o laço que mantemos com as pessoas que amamos. Somos fiéis, defendemos, temos afinidades e assim por diante.

A minha admiração pela Farm se justifica em alguns argumentos racionais, gosto da criatividade das estampas, da comunhão de estilos (soube que eles fazem roupas para 4 perfis de mulher diferentes, que vão da romântica à moderna, passando pela garota de praia), da inovação no layout das lojas ( através de um dispositivo manual é possível escolher o estilo de música que se quer ouvir no provador durante a troca de roupas), do pioneirismo da proposta, etc.

Para mim esse vídeo com a entrevista da estilista e fundadora da marca é uma lição de vida, de profissionalismo e do caminho a percorrer para se conquistar um sonho sedimentado no trabalho e no talento:

Aproximação

Preciso dividir com você, que visita e lê este blog, algo qu estou vivendo.
Aproximadamente há 4 anos escrevi uma história infantil de sopetão, à lapis, em uma folha de caderno universitário. Gostei do resultado e se tornou um projeto de livro que não consegui concretizar até hoje, infelizmente.
Mas agora uma luz surgiu. Recentemente conheci um representante de uma editora que se mostrou interessado. Enviei meu texto e recebi a resposta hoje com muitos toques e sugestões pertinentes sobre mudanças que eu poderia fazer na história para aprimorá-la. Penso que dessa vez algo mais consistente acontecerá.
É sempre muito boa a sensação de se aproximar da realização de um sonho.

Só um comentário

Ah... Quisera que o amor fosse fácil...
Difícil é viver amando, nesse mundo capitalista.

8 de nov de 2008

Satisfação

Faz tempo que ensaio para escrever um post longo sobre a palestra que assisti essa semana.
Não deixarei de escrever. Quero lembrar de tudo. Mas me demandará um tempo considerável escrever cada detalhe. Por isso adio.
Acontece, é normal que o que precisa ser feito seja adiado para depois.
As coisas boas e bobas primeiro! Embora devesse ser o contrário. Primeiro o devido, depois o deleite, o prazer.

Embora seja também um prazer, para mim esse blog é como se fosse um trabalho. Tenho responsabilidade sobre ele. É como se trabalhasse para mim e eu me devo satisfações.

Up to date: Só mesmo com sono e sem tempo para escrever algo tão mal escrito, mal pontuado, palavras repetidas...

7 de nov de 2008

Obama de novo

Cheguei cansada, trabalhei muito ontem e hoje...
Na TV, trocando de canal, vi uma imagem de Obama. Sempre me emociono com ele.

6 de nov de 2008

Discurso de Obama

Este não é o da posse (aqui o da posse), mas todos os discursos dele são brilhantes. Neste vídeo há legendas em espanhol.



Aqui há um discurso dele feito em março na Filadélfia, em que aborda a questão racial.

Tejon

Ontem aconteceu algo inspirador. Assisti a uma palestra de José Luiz Tejon.
Fico devendo o relato.

5 de nov de 2008

Essência

Nem todos aceitam que um relacionamento estabelecido além das diferenças triunfe.
É como se esperassem o momento do cena - fatalmente, há de chegar esse momento, pensam - em que a máscara de um dos dois irá cair.
Só que algumas pessoas não usam máscaras. Provavelmente porque foram se desvincilhando de acessórios. Isso representa atingir a maturidade e reconhecer a si mesmo hoje mais que ontem.
Sim, ninguém é o mesmo. Com o tempo não forjamos uma máscara. Ao contrário, os anos são a ferramenta com a qual lapidamos o nosso próprio rosto. Aquele real e verdadeiro, cujo qual escondemos por insegurança ou por medo de mostrar quem somos. Ou que ocultamos pela inocência de, sinceramente, não saber o que mostrar e até mesmo de não reconhecer-se.

O tempo vai moldando. Ficamos mais calejados, experientes. Já sabemos o valor da verdade, um preço muito mais digno a pagar para sermos felizes. Temos posse do prejuízo da mentira, da inverdade. Para quê? Nunca vale a pena.

As pessoas julgam aparências, superficialidades. Podem até ser diferenças que ficam evidentes. Esquecem-se que um relacionamento se constrói com base na essência que cada um carrega. A essência é que sustenta os laços mais profundos e indeléveis. Está além de qualquer diferença perceptível aos olhos. "O essencial é invisível". Só dentro de um relacionamento "se vê bem com o coração". Só agora compreendo. A maturidade me permite.

Hope

"É maravilhoso saber que milhões de pessoas no mundo ainda tem esperança e se emocionam com a política."

(Frase dita por Sandra Anenberg ao final do telejornal).

Parafraseando

Recebi essa frase por e-mail atrabuída a William Shakespeare:

"O tempo é muito lento para os que esperam.muito rápido para os que têm medo,muito longo para os que lamentam,muito curto para os que festejam. Mas, para os que amam, o tempo é eternidade."

Com suave pesquisa na internet percebi que provavelmente foi escrita por Henry Van Dyke

Brack Obama vence

Estou aqui, extremamente emocionada, acompanhando pela TV a vitória de Barack Obama.

4 de nov de 2008

Obama Presidente

Que hoje seja um dia iluminado para os americanos e para o mundo.
Que o favorito seja eleito para o bem de todos.
Barack Obama!
A imagem deste homem me inspira.

3 de nov de 2008

Estação

Em mente vazia passa um vagão.
"Cansaço de quê?"
Perguntam as pessoas na estação.
Está adormecido um breve sorriso em vão.
"Cansaço de ser..." seria a resposta.
As pessoas esperam o próximo vagão.

1 de nov de 2008

Som

A minha mente silencia.
Como posso escrever se minha voz interior não reverbera os sons da minha alma?
É tempo de pausa...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...