Se esta é a sua primeira vez neste blog leia na coluna da direita as instruções!

17 de abr de 2009

Depois do medo...

Se eu não fosse eu seria outra, meu sentimento seria outro, sem paixões latentes que me fizeram perder o rumo, me perder do mundo, para somente sozinha me encontrar.

Eu era um barquinho temendo atravessar o mar na tempestade. Achava que não conseguiria. O que eu não sabia é que eu não era um barquinho frágil, mas um navio de ferro que corta o percurso das águas.

(16/04/2009 - 11:20 AM)

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...