Se esta é a sua primeira vez neste blog leia na coluna da direita as instruções!

17 de out de 2009

Escrava do que não encontro

Sou escrava de rimas
Que procuro para enfeitar o que escrevo
Sou escrava de palavras que busco para colocar no que descrevo
Minhas idéias ficam fracas
Se tiverem que respeitar tamanho e linhas
Procuro o que não encontro
E fica pobre o que sinto...

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...