Se esta é a sua primeira vez neste blog leia na coluna da direita as instruções!

21 de out de 2009

Eu

Eu não tenho início
Nem começo
E no meio eu sempre me esqueço
De chegar ao fim

Eu não tenho história
Nem memória
Tudo que sou e faço
É o que dizem de mim

Eu não sou mentira,
Nem verdade,
Eu não faço alarde
Nem chamo atenção

Eu não tenho alma
Nem penso demais
Hoje o que me faz
É o meu coração.

Um comentário:

Cacarina disse...

Oi Aline!
Tenho lido aqui, um dia ou outro, tantos textos intensos, cheios de tantas coisas, que nem sei dizer...
Parei para sentir e, por favor me entenda bem, só mesmo os poetas conseguem transformar tristeza em coisa bonita. Você tem um quê especial ao escrever... Dá para escutar sua alma.
Apesar então de nada escrever, andei contigo todos esses dias.
Desejando coisas novas e lindas em sua vida!
Abraço gigante, do fundo do coração,
Claudia

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...