Se esta é a sua primeira vez neste blog leia na coluna da direita as instruções!

18 de jul de 2008

Ei, você! Leia!

Não, não precisa escrever. Não precisa me contar o que pensa, o que acha, o que sonha.
Faço isso por você.
Você visita o meu blog pela primeira vez, chega aqui por acaso e não volta.
Ou você visita sempre e não se manifesta porque não sabe o que dizer.
Ou você sente que é uma leitura desnecessária e que nada lhe acrescenta.
Mas quando você lê um post que mexe, que o instiga, como este, a sua vontade de escrever é maior, mas o medo aumenta também na mesma proporção.
Você não sabe se é um texto endereçado a alguém específico.
Fica na dúvida se o "você" do texto é você ou outra pessoa que nem conhece.
E pensa: "será que ela escreve assim para todo mundo ler?" e "então vai ver ela se revoltou hoje!?"
E seus questionamentos não são ouvidos, não são sabidos, porque são só pensados. E por mais energia que tenha um pensamento a palavra é mais forte que ele. E foi com o verbo que Deus fez tudo que existe, não foi?
Mas aí você fica tímido, pensa, não sabe o que acrescentar a um texto que mexeu tanto com seus sentimentos. Ou que não lhe diz nada, tanto faz.

O que importa é ter você aqui comigo, enquanto escrevo o que penso e sinto, mesmo sem saber se você pensa e sente alguma coisa...

Aline Ahmad

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...